Doce de figo

Doce de figo

O figo é um fruto originário do Mediterrâneo e seus maiores produtores mundiais são a Turquia e o Egito, porém, como se trata de um fruto de fácil adaptação a diferentes climas, a sua cultura se alastrou pelo mundo através dos séculos. Atualmente ele é cultivado em vários países.

Assim como acontece com outros frutos, existe uma variedade imensa de figos, por isso, uma das suas classificações é quanto ao consumo, pois existem figos que se comem frescos e figos que se comem secos. Aos que se comem frescos, estes recebem a denominação de figo de mesa, pois são de longa maturação e possuem pele macia, já os figos que são próprios para consumo seco são de rápida maturação e sua pele é mais dura.

A fruta possui uma polpa rica em açúcar, o que a faz energética e suculenta, também possui uma boa quantidade de sais minerais como o Potássio, o Cálcio e o Fósforo, bem como, uma quantidade significativa de vitamina C, entre outras.

Por todas as suas qualidades nutritivas o figo é um fruto ideal para preparar doces, geleias e compotas caseiras, assim como a goiaba, o marmelo, a banana, a maçã e outros frutos.

Os antigos tinham o habito de preparar compotas, doce e geleias caseiras, cujo objetivo era evitar o desperdício e conservar as frutas sazonais por longos períodos, e este,  também, era o mesmo propósito para os frutos secos e cristalizados.

Os doces e compotas caseiras que antigamente tinham como base somente o fruto e o açúcar, com o tempo foram ganhando outros ingredientes como o cravo, a canela, a noz-moscada etc., deixando-os com mais sabor.

Como toda gente sabe, vivemos numa sociedade moderna, onde o tempo é um recurso precioso, ou seja, resta-nos pouco tempo para preparar uma comida caseira gostosa e com sabor. O mesmo se aplica a preparação de doces, geleias e compotas caseiras, as quais foram substituídas pelas versões industrializadas e enlatadas, mais práticas, entretanto, menos saudáveis.

Por isso, no meu canal você encontra algumas versões de compotas e doces, cujo objetivo é resgatar aquele antigo hábito de nossos avós e mães que preparavam aquelas deliciosas compotas, doces e geleias caseiras, bem mais saudáveis que as industrializadas.

 

  • 1kg Figo
  • 600g Açúcar escuro (mascavo)
  • 100ml Sumo de limão
  • 2 Paus de canela
  • 200ml Água

 Dados úteis sobre a receita

  • Tempo de preparação: 50 minutos + 5 horas em que o figo ficou a maçará
  • Grau de dificuldade: baixo
  • Número de pessoas que serve: depende

Lave muito bem os figos, retire o bico e corte aos pedaços.

No tacho adicione os figos, os paus de canela, o açúcar, o sumo de limão, a água, mexa para envolver os ingredientes muito bem.

Tape o tacho e deixe maçará por 5 horas.

Passada as 5 horas, ligue o lume e deixe cozer por 20 minutos.

Lembre-se sempre de verificar o doce de tempos e tempos.

Passado os 20 minutos verifique a consistência do doce e se os figos estão macios para triturar.

Antes de triturar com a varinha mágica, retire os paus de canela.

Baixe o lume e triture os figos.

Depois de triturados, deixe o doce cozer em lume brando por mais 30 minutos.

Passado este tempo desligue o lume.

Adicione o doce em potes esterilizados e deixe-o arrefecer antes de guarda-los.

Assim que estiver frio o doce, está pronto para ser consumido.

Espero que gostem e bom apetite.

 

 


Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial